quinta-feira, julho 05, 2018

Estado tem baixa cobertura contra poliomielite

As baixas coberturas vacinais, principalmente em crianças menores de cinco anos, acenderam uma luz vermelha no País. Em reunião com representantes de estados e municípios, o Ministério da Saúde alertou que 312 municípios brasileiros estão com cobertura vacinal abaixo de 50% para a poliomielite ou paralisia infantil. No Pará, 16 municípios estão em sinal de alerta. Vale destacar que a pólio é uma doença já erradicada no país. O dado foi divulgado pela coordenadora do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde (PNI), Carla Domingues, durante reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), na última quinta-feira (28).
Os municípios da região do Marajó são os que aparecem com a menor cobertura vacinal do Estado. São os casos de Curralinho, com apenas 16,30% da público-alvo vacinado; seguido por Breves (27,11%) e Afuá (34,99%). Nas posições seguintes surgem Santa Bárbara do Pará (36,95%), Eldorado dos Carajás (37,66%), Pau D’Arco (43,80%), Portel (44,10%), Bagre (44,16%), Curionópolis (44,86%), Viseu (45,12%), São Geraldo do Araguaia (45,54%), Ananindeua (45,61%), Marituba (46,62%), Jacareacanga (46,89%), Melgaço (47,95%), Porto de Moz (48,07) e Chaves (48,67%). (ORMNews)