domingo, maio 27, 2018

Copa Ouro: Abertura começou atrasada, de novo, e A Manauara faturou ponto extra

Não foi por culpa da LIFA, nem dos clubes, mas, o certo é que pela décima segunda vez houve atraso e grande na abertura da Copa Ouro de Futsal.

Foram 75 minutos de espera pelas autoridades, e nada. As equipes chegaram cedo, a equipe coordenadora mais cedo ainda, o público já estava em bom número no Ginásio Poliesportivo, é nada das autoridades.

Houve uma falha grave de comunicação de parte das assessorias do prefeito Valmir Clímaco e do deputado Hilton Aguiar, que estavam em outro compromisso, no cinquentenário da Igreja Batista em Itaituba. Bastava ter avisado.

O presidente da LIFA, Sérgio Castro Pock, às 21:15 tomou a decisão de dar início na abertura, medida mais do que acertada.

Foi uma programação bem mais enxuta do que em anos anteriores, mas, nem por isso sem brilho.

Com a presença do coordenador da Conjucel, Miúdo e da bela miss Pará/Mundo, Isabela Garcia, de Itaituba, as equipes foram sendo chamadas, perfilando-se para a execução do Hino Nacional.

A segunda parte foi o desfile das garotas representantes das seis equipes disputando o título de Garota Copa Ouro 2018 para o julgamento dos jurados.

Para não atrasar ainda mais a programação, pois já era quase 11 horas da noite, a LIFA colocou a garotada do sub 7 da Escolinha de Futsal Urso Branco para fazer a festa da galera, que vibrou muito com as jogadas da meninada comandada pelos professores Fábio, Julinho é Vanessa.

Em seguida começou o torneio início, tendo sido anunciado que o resultado da vencedora do concurso Garota Copa Ouro sairia após o final do terceiro jogo.

Não poderia ser mais interessante para o público o primeiro jogo que colocou frente a frente os dois maiores rivais da competição, Hay-Fay x Trovão Azul.

O Hay-Fay deu a primeira alegria para sua torcida, derrotando o grande rival por 2x0 no tempo regulamentar.

A Madeira Angelim venceu o segundo jogo. Ganhou do Lojão Mil Estilos/Genasc por 1x0.

No terceiro jogo, A Manauara venceu por 2x0, com muita reclamação do América contra a arbitragem no primeiro gol.

Enfim, chegou a hora de conhecer o resultado do concurso da Garota Copa Ouro deste ano, que foi anunciado sem perda de tempo, porque o horário já estava muito avançado.

1º lugar - Railana Silva - A Manauara/Grupo Celma 40 anos

2º lugar - Ludimila Costa - América/Óptica Belém

3º lugar - Rayza Souza – Hay-Fay/MN Veículos

Para variar, após o anúncio do resultado houve alguns protestos de equipes que se sentiram prejudicadas.

Foi o caso de Ivens, do América, que questionou porque sua candidata levantou o ginásio porque fez alguns malabarismos com a bola, o que caiu no gosto da galera, embora isso nada tivesse a ver com os critérios de escolha.

Já Beto (Beto Contabilidade), do Trovão Azul, disse que era preciso escolher melhor os jurados, e também quis saber porque ninguém viu as notas das para as candidatas.

Depois disso, a bola voltou a rolar.

A Manauara continuou na quadra para fazer a semifinal, quarto jogo da noite, pois no sorteio o Hay-Fay foi beneficiado, cabendo à Madeireira Angelim o outro contendor da semifinal.

Vitória da A Manauara nos pênaltis.

Um grande clássico da Copa Ouro ficou reservado para a grande final.

No balanço final, A Manauara foi melhor, tendo dominado amplamente o primeiro tempo e, embora Hay-Fay tenha melhorado na segunda etapa da decisão, seu melhor jogador foi goleiro, que pegou tudo e mais um pouco, até o apito final.

A decisão foi mesmo nos pênaltis, e de novo Erick brilhou, e poderia ter dado o ponto de bonificação para o Hay-Fay, caso os atacantes de seu time tivessem passado pelo menos perto de sua atuação.

Com a má pontaria do pessoal da nação laranja, que mais de uma vez teve o chute decisivo a seu favor, o título do torneio de apresentação ficou com A Manauara, que venceu por 7x6.

Quando o último pênalti foi batido, o relógio marcava 1:54 da madrugada, e até terminar tudo já passada bem de duas horas da manhã, o que convenhamos, mesmo pelos motivos expostos antes é muito tarde.

No final, ganhou quem jogou mais, porque fez três jogos, e jogou melhor, apresentando maior regularidade no futsal mostrado em quadra, impondo-se pelo conjunto, pela determinação e pela categoria de seus jogadores.

É cedo para avaliar as equipes, até porque, algumas ainda deverão receber reforços, mas, para quem olhou o torneio início com olhar de observador concluiu que A Manauara vem com um time muito forte para buscar o tricampeonato.

O público foi bom no ginásio.

Terça-feira a bola já vai rolar na primeira rodada da fase de classificação.

O blog do Jota Parente, que esteve cobrindo todos os detalhes, vai acompanhar jogo por jogo, com cada detalhe, até a última rodada.

Sempre com apoio de: LG Materiais Elétricos, Via Celular, Madeireira Tapajós, Machado Sports, deputado Hilton Aguiar, deputado Eraldo Pimenta, deputado Chapadinha e Câmara Municipal.

As seis garotas representando as equipes





Isabela Garcia
Miss Pará/Mundo


Jurados

Deputado Hilton Aguiar, Machado e deputado Eraldo Pimenta