Postagem em destaque

5 Minutos Com Jota Parente

quinta-feira, fevereiro 01, 2018

Justiça determina indisponibilidade de bens de políticos de Jacareacanga

A justiça da comarca de Jacareacanga acatou ação do Ministério Público Estadual e determinou a indisponibilidade de bens de dez réus, incluindo vereadores da gestão anterior do município.

De acordo com a ação, os réus utilizaram recursos da Câmara Municipal de Jacareacanga, destinados para o abastecimento de veículos oficiais da Câmara e usaram para o pagamento de passagens de eleitores.

A ação de improbidade administrativa foi ajuizada em dezembro de 2016.

O juiz decretou a indisponibilidade de bens dos acusados no valor de 50 mil reais para Raimundo Acélio Aguiar, Rubigerlei Pereira da Silva e Cleiton Veríssimo Gonzaga - EIRELI ME.

Para os demais réus, Raimundo Batista Santiago, atual prefeito de Jacareacanga, Walter Azevedo Tertulino, Evanilson Pereira Rosa, Vilmar Carlos Rodrigues, Rosenildo Saw Munduruku, Elinaldo Crixi Munduruku, e Cleiton Veríssimo Gonzaga, a justiça determinou a indisponibilidade de bens no montante de 5 mil reais.

Na defesa, todos os réus negam que tenham praticado irregularidades.

Jornalista Weliton Lima

Focalizando – TV Tapajoara