segunda-feira, janeiro 15, 2018

Nossa Rádio Comunitária Completa 15 Anos

Resultado de imagem para fotos de jota parente, itaitubaJota Parente - Hoje, a Rádio Alternativa FM completa 15 anos de atividades ininterruptas no município de Itaituba, levando a boa informação, música de boa qualidade e mensagens espirituais.
A Alternativa é uma rádio comunitária, motivo pelo qual sua potência é limitada, sem que possa ser aumentada como uma rádio comercial.
            Sendo uma rádio comunitária, a emissora tem direção, mas, não tem dono nos padrões que se compreende o proprietário convencional de uma empresa.
            Seu compromisso primordial é prestar serviços para a comunidade, devendo primar por ser sua voz de forma plural, permitindo a livre manifestação das ideias dos diversos segmentos da sociedade.
            Apesar de ser uma rádio comunitária, nem toda a comunidade compreende isso, deixando de participar de forma mais ativa de sua vida e na sua manutenção. Para muita gente, o termo Comunitária significa apenas o nome da emissora. Mas, vai bem além disso.
            Coordenada há muitos anos por Antônio Santana, nossa rádio tem programas ecléticos em sua grade de programação, o que contempla ouvintes de diversos gostos.
            Desde 2012, quando me foi concedida a oportunidade de fazer parte de sua equipe, tenho a satisfação de conversar com os ouvintes, todos os sábados, de 10:00 ao meio-dia, no programa O Assunto é Este.
            Senti-me sempre à vontade para abordar qualquer assunto, desde o primeiro programa, sem nenhum patrulhamento de ordem religiosa, política ou de qualquer outra ordem. Esse é o ponto central do modo como funciona a rádio comunitária legalizada de Itaituba.
            A Rádio Comunitária Alternativa cumpre muito bem a sua vocação de dar voz a quem tem dificuldade para se fazer ouvir, porque os poderes político e econômico procuram silenciar quem ouse dizer qualquer coisa que vá de encontro aos seus interesses.
            Na 104,9 não se aplica censura a nenhum conteúdo dos programas que vão ao ar, pois todos tem consciência das suas responsabilidades, conquanto, embora haja liberdade de expressão, como preceitua a Constituição do Brasil, é preciso não perder o limite do exercício responsável da liberdade de se expressar.
            O Serviço de Radiodifusão Comunitária foi criado pela Lei 9.612, de 1998, regulamentada pelo Decreto 2.615 do mesmo ano. Trata-se de radiodifusão sonora, em frequência modulada (FM), de baixa potência (25 Watts) e cobertura restrita a um raio de 1km a partir da antena transmissora. Podem explorar esse serviço somente associações e fundações comunitárias sem fins lucrativos, com sede na localidade da prestação do serviço. As estações de rádio comunitárias devem ter uma programação pluralista, sem qualquer tipo de censura, e devem ser abertas à expressão de todos os habitantes da região atendida.
            Ainda que a Constituição de 1988 garanta a liberdade e o direito de expressão, as rádios comunitárias sofrem, constantemente, pressões da ANATEL e da Polícia Federal, que deixam de levar em conta a democratização da informação garantida por lei. Buscam, a todo custo, silencia-las e impedir suas transmissões.
            A programação diária de uma rádio comunitária deve conter informação, lazer, manifestações culturais, artísticas, folclóricas e tudo aquilo que possa contribuir para o desenvolvimento da comunidade, sem discriminação de raça, religião, sexo, convicções político-partidárias e condições sociais. Deve respeitar sempre os valores éticos e sociais da pessoa e da família e dar oportunidade à manifestação das diferentes opiniões sobre o mesmo assunto.
            A Rádio Alternativa, pelo fato de observar todas as exigências legais, vem tendo uma vida pautada pela normalidade de suas atividades, tendo se adequado sempre que necessários aos ditames da lei. Por isso, a nossa rádio comunitária não vive percalços vivenciados por muitas emissoras, comerciais ou comunitárias, que sofrem ameaças quanto a continuidade das suas transmissões. Sobram motivos para termos orgulho da Alternativa FM.

            Parabéns Alternativa!