sexta-feira, julho 07, 2017

Os protestos da BR 163

As manifestações de protestos que bloqueiam em vários pontos a BR-163, até o momento servem, meramente, para as classes produtivas da região marcarem uma posição política diante da falta de vontade do governo em mexer nessa questão ambiental.
Os manifestantes já perceberam que o presidente não quer se indispor com os ambientalistas de plantão em Brasília, por isso, prometem intensificar os protestos até fazer o governo mudar de posição.
Fechar a BR parece ser realmente a única forma de pressionar o governo federal, pois com a rodovia trancada a exportação de grãos fica prejudicada e no contexto político nacional o pessoal de Mato Grosso exerce uma influência muito maior sobre o governo federal do que as autoridades paraenses, que com raras exceções, não estão nem aí para os problemas enfrentados pelos municípios dessa região.
Nesse momento em que o presidente precisa desesperadamente de apoio parlamentar, é bom o eleitor ficar de olho nessa votação na Comissão de Constituição e Justiça - CCJ, pois embora nenhum deputado paraense esteja nessa comissão, como essa votação ainda vai passar pelo plenário Câmara, vamos ver como irão se posicionar os nossos parlamentares, se ao lado dos interesses da população paraense, ou se vão se aliar a esse governo que enche de vergonha os cidadãos de bem desse país.
E nesse momento que o presidente só pensa em se manter no cargo, dificilmente irá se incomodar com essa questão ambiental, portanto os manifestantes devem se preparar para manter os protestos na BR-163, por um bom tempo, até baixar um pouco mais a temperatura dessa crise política instalada em Brasília.

Weliton Lima, comentário do Focalizando, quinta-feira, 06/07/17