segunda-feira, julho 17, 2017

Itaituba continua sendo um bom lugar para fazer negócios, diz Patrick Souza, presidente da CDL

Blog do Jota Parente - Principalmente vendedores que percorrem toda a região, ou, que vem de outros estados para fazer negócios em Itaituba, mesmo diante da desaceleração da economia local e regional, de forma mais acentuada a partir do segundo semestre de 2016, afirmam em uníssono, que por aqui continua bem melhor do que na grande maioria dos outros municípios do Brasil.
O presidente da CDL, Patrick Souza, disse ao blog, que Itaituba continua sendo um lugar muito bom para se investir, para fazer negócio. Por isso, empreendedores continuam vindo para cá, ressaltando, que somente semana passada foram abertos dois novos negócios.
Patrick – Itaituba é um município privilegiado, porque é um local de e investimentos. Muitos empresários do Brasil estão vindo para essa região. Agora, tivemos dois novos empreendimentos inaugurados no final de semana passada, a Deltamaq e o Hotel Açaí. Então, a gente verifica que continuam investindo, e se isso acontece, é porque estão acreditando no município. Isso é muito positivo, porque são empregos para o nosso povo que está precisando.
Blog do JP - A inadimplência no Brasil aumentou muito, no estado, também, e em Itaituba como está?
Patrick – Mantém-se estável; algumas pessoas estão negociando seus débitos e as outras estão tentando resolver o problema, mas, considero ainda muito alta. Nós vamos trabalhar para baixar até o final de ano. Vamos tentar fazer uma grande promoção junto com as empresas para quê se consiga negociar com o décimo terceiro para diminuirmos essa inadimplência.
Blog do JP – Da última vez que nós conversamos sobre esse assunto que o blog trata agora, fui informado que estava em processo, uma mudança bastante grande na estrutura da CDL em nível nacional, que afetaria todas as lojas da CDL no Brasil inteiro. Como está esse processo no momento?
 Patrick - Nós encaminhamos, semana passada, o novo estatuto da CDL Itaituba, que foi aprovado em reunião. Encaminhamos para a Federação das CDL com algumas ressalvas pertinentes “a entidade.
Teremos uma nova eleição em outubro, e junto com os associados vamos montar a nova diretoria, pois de 22 pessoas que faziam parte, agora só restam 6. Vamos lançar o edital de convocação para que as pessoas participem, para que coloquem suas propostas.
Blog do JP – O que vai mudar na estrutura da entidade local com essas mudanças em nível nacional?
Patrick – Haverá uma categoria de sócios efetivos, que são aqueles que compram as cotas e vamos ter o sócio usuário, que é aquele que somente faz uso do benefício da entidade. Então, tudo isso nós estamos verificando, para que possamos saber quem serão os sócios efetivos, aqueles que poderão administrar a entidade e aqueles que querem apenas comprar o serviço.
Blog do JP – O senhor pretende concorrer à reeleição?

Patrick – A escolha do presente, novamente vai ser feita de maneira democrática. Vou deixar o meu nome à disposição para apreciação dos associados, mas, nada de forçar a barra, querendo continuar presidente contra a vontade dos sócios. Quando aceitamos vir para cá, fazendo parte dessa diretoria, foi com o objetivo de ajudar a entidade a se reorganizar, não, para ficar no cargo a qualquer custo. Vamos agir como fizemos quando, juntamente com outros empreendedores, decidimos assumir a CDL, agindo às claras, sem brigas internas que possa prejudicar nossa entidade.