terça-feira, abril 04, 2017

Profissionais da educação do município, em estado de greve

Resultado de imagem para fotos de estado de greve
A Assembleia Geral do SINTEPP já decidiu: trabalhadores da educação do município decretaram ESTADO DE GREVE.

A paralisação das aulas na rede municipal de ensino de Itaituba parece inevitável.

De um lado, o SINTEPP não abre mão de reajuste salarial de 16%, de outro, a prefeitura diz que não tem como dar aumento, porque está aplicando toda a verba da educação no pagamento dos salários dos servidores dessa categoria.

Segundo informou o secretário de educação, Amilton Pinho, ao blog, tudo que o município está recebendo de repasses relativo ao FUNDEB está sendo canalizado para o pagamento dos salários.

O blog pinçou um texto do professor e ex-vereador Isaac Dias, via WhatsApp, que é da área e explica bem a situação atual.
--------------------------------------
SINTEPP/Subsede de Itaituba deflagra ESTADO DE GREVE.

Na manhã desta quarta-feira (04/04/2017) os Trabalhadores da Educação Municipal reunidos em Assembléia Geral na sede do sindicato deflagraram Estado de Greve e já definiram a próxima terça - feira  (11/04/17) PARA DEFLAGRAR A GREVE.

Na pauta de reivindicações da categoria está:

- Reajuste Salarial de 16% para todas as categorias;
- Pagamento do 1/6 de férias dos servidores readaptados;
- Fim do NEPOTISMO na SEMED;
- Fim dos Privilégios e Vantagens e Pagamentos ilícitos na SEMED;
- Correção do PCCR; 
- Pagamento do Rateio das sobras dos recurso da educação de 2016;
- Regulamentação dos desníveis salariais dos professores graduados;
- Equiparação dos salários dos Técnicos Educacional;


Dentre outros pontos que serão apresentados no decorrer da GREVE.