quarta-feira, abril 19, 2017

Coleta de lixo foi assunto em destaque na Câmara

Os vereadores Diego Mota e Davi Salomão abordaram a problemática da coleta do lixo domiciliar de Itaituba, na sessão de hoje.

Diego foi o primeiro, e foi quem tratou do assunto com mais profundidade.

Ele falou que a administração afirma que muita gente mal educada não colabora para que a coleta funcione de forma mais eficiente.

Ressaltou o edil do PTN, que os dias foram mudados, por isso, acha que parte da população ainda não assimilou bem o calendário da coleta.

Em aparte, José Belloni citou o fato de não existirem lixeiras espalhadas pela cidade. O cidadão quer jogar alguma coisa no lixo, mas, não encontra um recipiente, nem mesmo no centro da cidade.

Já Davi Salomão disse que vai apresentar um Projeto de Lei propondo a criação de uma Parceria Público Privada para que empresas possam doar lixeiras, tendo o direito de colocar suas marcas.

Se vingar, o governo não vai desembolsar um só centavo, e esse problema será resolvido.

Lembrou que quando esteve à frente da COMTRI, conseguiu algumas parcerias, o que permitiu que fossem colocadas mais de 100 placas de sinalização na cidade, sem custo para o erário municipal.

Enquanto isso, ainda não se ouviu falar a respeito de aterro sanitário no atual governo.

O governo da ex-prefeita Eliene Nunes não conseguiu sair da estaca zero.