segunda-feira, março 13, 2017

Minha Casa com menos casas

Em reunião com representantes da indústria da construção civil da região Norte, presentes o presidente e o vice do Sinduscon, Marcelo Castelo Branco e Alex Carvalho, além do senador Flexa Ribeiro, o ministro das Cidades, Bruno Araújo anunciou que o governo federal está criando normativas do programa Minha Casa, Minha Vida, em atendimento a propostas do setor para limitar a até 500 unidades o número de residências por conjunto habitacional.

O ministro classificou de “problemaço” social e urbano, os antigos empreendimentos do programa construídos com até oito mil casas.

A nova regra deverá ser implantada já nos próximos 15 dias, e até o início de abril sairão as primeiras autorizações baseadas na normativa.

Na fórmula atual, o contrato de grandes conjuntos habitacionais só tem beneficiado construtoras de grande porte, deixando as paraenses de fora.


Apenas empresas de fora do Estado ganhavam contratos para construir grandes conglomerados, prejudicando as menores, que correspondem a 80% do setor. (O Liberal)