quarta-feira, janeiro 25, 2017

Prefeitura decide em reunião com açougueiros: carne, só de frigorífico

A prefeitura de Itaituba convidou açougueiros para uma reunião, para tratar da regularização daqueles que trabalham na informalidade e para dar orientações para os que já estão legalizados.

Foi informado que será dado um tempo para todos se adequem às exigências. E a maior delas diz respeito à procedência da carne. Sem exceção, os açougueiros terão que vender o produto fornecido por um dos dois frigoríficos que atuam no município.

A prefeitura não vai permitir que alguém trabalhe fora dessa determinação.

Dezesseis açougueiros participaram da reunião, que foi realizada na Sala Verde da Secretaria de Meio Ambiente.

Além do prefeito Valmir Climaco, estiveram presentes, o secretário de Meio Ambiente, Bruno Rolim, o secretário de Saúde, Iamax Prado e o diretor de urbanismo, Gerson Huller.

O prefeito considerou o encontro bastante produtivo.

“Ficou acertado que os frigoríficos vão recolher todos os rejeitos do boi a partir de agora. Informamos a eles que terão um tempo para se regularizar. Depois, iremos fiscalizar, e com certeza será proibido fazer diferente do que ficou acertado, e se for preciso fazer retenção de carne sem origem, a gente vai fazer.
           
Nós não vamos tolerar a venda de carne que não tenha sido adquirida direto de um frigorífico. Carne de matadouro clandestino vai ser aprendida. Estão todos informados.

Depois que terminar o prazo que vamos dar, vamos agir. O prazo que nós vamos dar é somente para que eles se regularizem no que diz respeito a documentos. A partir de hoje está proibido vender carne que não seja de um frigorífico do município. Essa é uma questão de saúde pública, e não podemos brincar com uma coisa tão séria”, disse o prefeito.