quarta-feira, novembro 02, 2016

Acusado de participar do assassinato de pais e irmão, em Altamira, vai continuar preso

Resultado de imagem para foto de assassinato de pais e irmão em altamira
  Henrique Buchinger Alves, denunciado pelo Ministério Público por causa do assassinato de seus pais e irmão, Luiz Alves Pereira, Irma Buchinger Alves e Ambrósio Buchinger Neto, no dia 7 de janeiro deste ano, em Altamira,continuará aguardando julgamento preso.

A decisão é das Câmaras Criminais Reunidas, do Tribunal de Justiça do Pará, que negaram, por unanimidade de votos, pedido de liberdade provisória requerido pela defesa do acusado.

Conforme o pedido de Habeas Corpos Liberatório, a defesa de Henrique alegou a existência de constrangimento ilegal por ausência de fundamentação para a decretação da prisão preventiva  baseada na suposta existência de indícios de autoria do crime, sem que fossem indicados fatos concretos que sustentassem a determinação da prisão.

As informações são da assessoria de comunicação do Tribunal de Justiça do Estado Pará.

A notícia foi veiculada no jornal Diário do Pará.