terça-feira, agosto 09, 2016

As águas não vão rolar

Depois de o Ibama negar a licença para a hidrelétrica do Tapajós, o governo deixará o projeto em “stand-by”. A avaliação é que falta dinheiro e brigar pela autorização de uma obra barrada pelo órgão ambiental traria desgaste à imagem do governo interino. 

O Planalto pediu às pastas de Minas e Energia e de Meio Ambiente um plano para geração equivalente em energia solar, eólica e pequenas hidrelétricas. 

Tapajós deve ser tocada em banho-maria, apenas no que independe da licença.

Na coluna Painel, do jornal Folha, hoje