quinta-feira, julho 07, 2016

Muita pessoas são mais apaixonadas por seus líderes políticos do que pela cidade que escolheram para morar

A inauguração do Paço Municipal trouxe de volta para o itaitubense o sentimento de alegria de quem recupera um patrimônio de grande valor que estava praticamente perdido e, essa alegria deveria ser compartilhada por todos.
A igreja de matriz de Santana e o Paço Municipal são os únicos prédios centenários que a cidade possui e que revelam o padrão de arquitetura que os nossos antepassados pensavam para Itaituba, muito diferente das edificações que se vê atualmente.
A recuperação do Paço Municipal surge como um sopro de esperança para que de agora em diante os próximos  governantes passem a ter um pouco mais de respeito com a história do município; esse deveria ser o sentimento  predominante na população, mas infelizmente ainda há muita gente  mais apaixonadas por seus lideres políticos, do que pela cidade que escolheu para morar.
Há pessoas que ignoram os defeitos de seus aliados, sem se preocupar com os prejuízos que esses defeitos podem trazer para os interesses da população e nesse momento de acirramento político, o que mais se vê nas redes sociais são ataques gratuitos e manifestações de um lado e do outro, externando um rancor inexplicável, pois o que deve ser discutido é o futuro do município, e isso passa pelo processo de continuidade nas ações de governo.
Independente de quem esteja no cargo é esse o espírito que deve prevalecer na cabeça do eleitor, e principalmente nos agentes públicos.
Sobre a resgate do Paço Municipal é oportuno lembrar que foi por causa de uma atitude política inconsequente e rancorosa que a população quase perde esse grande tesouro.

Weliton Lima, jornalista, comentário do Focalizando, quinta, 07/07/16