terça-feira, fevereiro 02, 2016

Câmara iniciou trabalhos de 2016, hoje

Orador oficial da Câmara, Isaac saudou os presentes, agradeceu a imprensa e criticou a ausência dos poderes executivo e judiciário, e do MP


A Câmara Municipal de Itaituba realizou na manhã de hoje a primeira sessão do ano legislativo de 2016. Aliás, foram duas sessões, porque primeiramente aconteceu uma sessão solene que durou pouco mais de quinze minutos, e em seguida já foi realizada a primeira sessão ordinária do ano.

Os quinze vereadores compareceram.

O vereador Isaac Dias, secretário da mesa diretora, foi o orador oficial.

Ele destacou que os vereadores estiveram em franca atividade no período do recesso, dizendo que o que parou foi a realização de sessões na Casa de Leis, pois cada um usou o tempo do recesso para manter contato com suas bases políticas.

Ele criticou com veemência a ausência de representantes dos poderes executivo e judiciário, assim como do Ministério Público, que embora tenham sido convidados, não foram, nem mandaram comunicado algum justificando a ausência.

Isaac disse que ao Poder Legislativo local é dispensado um tratamento de insignificância pelos outros poderes, diante desse comportamento.

O vereador do PSB elogiou a presença do comandante do 7º Grupamento do Corpo de Bombeiros Militares, tenente-coronel Ney Tito, que embora não represente um poder independente, está sempre presente em todos os momentos da vida do município, seja fazendo seu trabalho, ou nos eventos.

Também deu destaque especial à cobertura feita pela imprensa de Itaituba de um modo geral, que com sua cobertura mostra para a população o que fazem os vereadores.

Falando bem, ou falando mal, disse ele, a imprensa não deixa o povo sem informações do que ocorre no Poder Legislativo.


Isaac pediu licença aos demais membros da imprensa, para fazer uma citação especial ao jornalista Jota Parente, que marca presença em praticamente 100% das sessões, assim como procura informações a respeito desse poder, mesmo fora das sessões.

Já deu para sentir por essa primeira sessão, que o clima vai ser pesado este ano, onde cada um dos quinze vereadores vai tentar salvar a própria pele. Alguns confrontos entre situação e oposição prometem elevar o tom da prosa.

Ficou claro que o vereador Isaac Dias não vai poupar a administração da prefeita Eliene Nunes, engrossando as críticas pesadas da oposição.