terça-feira, dezembro 08, 2015

Maria sobe o tom contro o governo

Até alguns meses atrás, a vereadora Maria Pretinha foi líder do governo da prefeita Eliene Nunes.

Depois que ela deixou a liderança, ficou algumas semanas em silêncio, como se estivesse cumprindo uma quarentena.

Passado esse período, ela começou a tecer críticas ao governo municipal, sem pegar pesado, mas, hoje ela subiu o tom pra valer, ao falar da demissão dos enfermeiros.

“O nome dessa atitude é falta de compromisso e falta de respeito”, começou a vereadora do PSDB.

“Eu conversei com ela há algum tempo, quando lhe disse, na minha casa, que como funcionária pública eu não votaria nela. É a pior prefeita que Itaituba já teve na área da saúde”, disse Maria.

Quando ela fez essa afirmação, um homem que acompanha todas as sessões, que segundo vereadores da oposição, faz parte da assessoria do governo municipal disse que era mentira.

Maria não gostou e foi preciso o secretário da mesa, vereador Isaac Dias intervir pedindo ao presidente da casa, vereador Cebola, que garantisse o direito de uso da tribuna da vereadora, e que se a pessoa continuasse, que fosse retirada do local.


Maria Pretinha finalizou em alto e bom tom afirmando, que diziam que o ex-prefeito Edilson Botelho era perseguidor, mas, que o atual governo é muito mais.