quarta-feira, dezembro 30, 2015

Conta de luz deve subir 15% em 2016

A conta de luz será por mais um ano a maior vilã do bolso do brasileiro. Especialistas em energia elétrica alertam que a fatura pode ficar até 15% mais cara em 2016.
A consultoria Thymos Energia é uma que estima em um aumento de até 15%, como explicou à Reportagem seu presidente, João Carlos Mello.
“Muito do valor represado dos últimos anos no setor energético foi repassado ao consumidor em 2015. Esse passivo, um pouco acima da inflação, deve continuar a alterar a conta até 2019”.
Ele acredita que as duas empresas que atuam nas nove cidades da Baixada Santista, CPFL Piratininga e Elektro, devem seguir essa percentagem de reajustes.
O Banco Central também projetou reajustes da conta de luz. Ao contrário das empresas que atuam no setor, porém, o BC disse acreditar que o aumento deve ser de apenas 4,6%, em média. O aumento nas contas em 2015 foi de mais de 50%.
Sem arriscar números, o Ministério de Minas e Energia também aposta em um aumento menor na conta de luz. Segundo o ministro Eduardo Braga, depois das recentes chuvas de dezembro, existe a expectativa de que as termelétricas não sejam tão necessárias ao longo do ano que vem.
“Teremos declínio tanto no custo de geração de energia quanto na tarifa de energia elétrica. Não será uma redução abrupta, mas sim planejada e constante”.