domingo, novembro 01, 2015

PF acha despacho de umbanda na casa de Collor contra Janot

Foto: Arquivo (ORM News)Agentes encontraram foto de conselheiros do CNMP e anotações com nomes de orixás

A Polícia Federal descobriu na casa do senador Fernando Collor (PTB) um despacho de umbanda endereçado ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e Fábio George da Silva, membro do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). A informação foi publicada pelo colunista Lauro Jardim neste domingo (1º), no site do jornal O Globo.

Segundo o jornal, em uma mesa os agentes da PF encontraram uma foto dos conselheiros do CNMP com os rostos de Janot e George assinalados num círculo feito a caneta. Ao lado da imagem estavam folhas de papel timbrado do Senado e o nome de orixás como Iemanjá, Elegbara, Oxalá, Ogum, entre outros.
Ex-presidente e agora senador pelo PTB, Collor foi denunciado pelo Ministério Público Federal na operação Lava Jato. Ele é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Segundo a denúncia do MPF, Collor teria recebido R$ 26 milhões para favorecer empresas em contratos com a BR Distribuidora, subsidiária da Petrobras. O montante teria sido pago por Ricardo Pessoa, da empreiteira UTC, por meio do doleiro Alberto Youssef.
Fonte: ORMNeews