quarta-feira, novembro 11, 2015

Arrastão no km 28, roubo de celulares na 14ª da Floresta. Será tudo apenas sensação de insegurança?

Resultado de imagem para fotos de sensação de insegurança
Foto ilustrativa (internet)
Há casos que nem se quer chegam ao conhecimento público, como um arrastão que aconteceu semana passada na vila do km 28, sentido Itacimpasa.

Segundo um motorista que faz linha para uma comunidade da BR 230, sentido Jacareacanga, dois homens em uma motocicleta, renderam diversos moradores, dos quais levaram celulares e tudo que puderam.

Eles também assaltaram um comerciante do local e levaram uma motocicleta.

Na 14ª Rua do bairro da Floresta, há duas semanas, uma senhora teve seu celular levado por ladrões a pé, que iam passando enquanto ela com versava pelo aplicativo WhatSaap, na frente de sua casa.

No último domingo à noite, por volta de 20 horas, ainda na 14ª Rua, dois homens entraram na casa de um morador bem próximo ao Residencial Verde e Amarelo.

Um deles puxou um revólver calibre 38, anunciando o assalto, tendo levado os celulares das pessoas que se encontravam na sala da casa vendo TV.

Nenhum desses casos faz parte das estatísticas da polícia.


Será que está acontecendo o que o governo do Estado gosta de afirmar como justificativa, desde os tempos em que Ana Júlia era governadora, que só existe uma sensação de insegurança?