terça-feira, outubro 27, 2015

Peninha pede que a Câmara intermedie conversa entre Brasauro e cooperativa de garimpeiros

O clima não anda nada amistoso entre garimpeiros da Cooperativa da Água Branca e a empresa Brasauro por causa da exploração de ouro na região do Tocantinzinho.

Foi o que denunciou o vereador Peninha, na sessão de hoje.

A empresa requereu a área sobre a qual tem domínio e os garimpeiros, que atuam por lá há muito tempo veem-se ameaçados de serem expulsos, perdendo seu trabalho.

O vereador sugeriu que a Câmara Municipal chame as duas partes para uma reunião na sede do Poder Legislativo, a fim de que seja encontrada uma solução que contemple as duas partes, pois a atividade garimpeira continua sendo o principal sustentáculo da economia de Itaituba, e a importância dos pequenos garimpeiros é indiscutível, pois eles são responsável pela circulação de um volume expressivo de dinheiro no comércio local.