sábado, agosto 29, 2015

Primeiro, os bandidos mataram um homem, para depois ver se tinha alguma coisa para roubar

            Não tenho os nomes porque não passei na 19ª Seccional para levantá-los, mas, vou contar o fato, que assusta pela violência gratuita, e para que sirva de alerta para todos.
            Na noite de ontem, três servidores, que estavam hospedados em um hotel do centro de Itaituba, foram até a orla da cidade para tomar uma cerveja e bater um papo.
            Depois das duas da manhã os três pagaram a conta e começaram a se deslocar rumo ao hotel, subindo pela travessa 15 de Agosto.
            Quando estavam mais ou menos na metade do primeiro quarteirão, observaram que estavam sendo seguidos por três homens, que apressaram o passo para alcança-los.
            Os três servidores começaram a correr desesperados, mas, um deles ficou para trás, sendo alcançados pelos vagabundos, que o puxaram, vindo o mesmo a cair, já na rua Hugo de Mendonça, pouco depois de ter saído da 15 de Agosto.
            Os marginais, imediatamente, sem dizer se aquilo era um assalto, ou não, começaram a perfurar a vítima com várias facadas, ficando muito sangue espalhado pela calçada.
            Os colegas da vítima gritaram pedindo socorro, mas, era muito tarde, havendo quase nenhum movimento no local.
            Como alguns vigilantes das proximidades fizeram alguns disparos para cima (deveriam ter atirado nos bandidos), eles correram mlevar nada da vítima, que morreu no local, em cujo bolso foram encontrados R$ 600,00.
Alguns vigilantes correram atrás dos assassinos, conseguindo encurralar dois deles até a chegada da política. Um terceiro conseguiu fugir.
O blog foi informado que um dos assassinos saiu recentemente da Funcap, em Santarém, não se tendo certeza se ainda é menor, ou se já chegou à maioridade.
A fonte que contou todos esses detalhes não soube precisar o órgão em que os três servidores públicos trabalham.
De acordo com Júnior Ribeiro, em seu blog, a vítima era engenheiro do DNIT.
A vida, para esses vagabundos, nada vale. Eles, primeiro matam para depois ver se tem alguma coisa para ser roubada. Mesmo assim, tem muita gente que acha que todo delinquente deve merecer uma chance de ser ressocializado.

Cada caso é um caso, e enquanto isso não for levado em consideração, enquanto bandidos contumazes forem tratados como menores indefesos, vamos continuar sendo obrigados a conviver com esse tipo de situação, que vai ficando cada vez mais banal.