terça-feira, agosto 18, 2015

Flamengo envia representação à CBF contra a arbitragem

Insatisfeita com a atuação do árbitro Igor Junio Benevenuto na partida contra o Palmeiras, a diretoria do Flamengo entrou com representação junto à CBF, na noite desta segunda. Conforme já havia antecipado o presidente Eduardo Bandeira de Mello, na manhã desta segunda, o documento abordou as duas penalidades que os flamenguistas alegam não ter sido marcadas no derrota para o Palmeiras, por 4 a 2, neste domingo.
O documento, que foi assinado por Bandeira de Mello e enviado a Sérgio Corrêa da Silva, presidente da comissão de arbitragem da CBF, descreve os lances polêmicos da partida e afirma que o Rubro-Negro carioca tem sido prejudicado com as recorrentes decisões equivocadas dos árbitros. 
"Constantemente, graves e reiterados equívocos vêm sendo registrados em relação à equipe do FLAMENGO neste Campeonato Brasileiro de 2015, o que nos obriga a reiterar reclamações e representações perante esta Comissão de Arbitragem, sem que, no entanto, qualquer medida objetiva tenha sido tomada a esse respeito até o presente momento. Infelizmente, as condutas da arbitragem prejudicaram esta entidade de prática desportiva de forma gravíssima no primeiro turno. O FLAMENGO perdeu pontos importantes em um campeonato extremamente equilibrado
No fim, a representação pede que seja instaurado procedimento administrativo para apuração dos fatos relacionados no documento. 
"Ante os motivos apresentados, requer seja instaurado procedimento administrativo próprio para apurar os fatos aqui relatados. Aproveitamos o ensejo para renovar a V. Sa. nossos protestos de elevada estima e distinta consideração"