sábado, novembro 18, 2017

Candidatura de Elaine D'Almeida é negada

Ontem à noite, por volta de 23:10, eu recibi uma ligação do professor Tiago, que disse estar falando em nome do PSDB local.

Ele negou veementemente qualquer possibilidade de uma candidatura a deputada por parte de Elaine D'Almeida.

Disse que na noite de quinta-feira ela e outras pessoas estavam participando de uma reunião com Hildegardo Nunes, e que não teria se reunido com o deputado Celso Sabino.

Perguntou como faria para divulgar uma nota para dar a versão do de partido e respondi que bastava enviar a nota devidamente assinada que seria publicada.

Ocorre que, depois dessa ligação eu conversei com a fonte do blog que ponderou o seguinte:

"O deputado Celso Sabino me ligou dizendo que estaria em Itaituba no dia 17 para tratar sobretudo desse assunto; veio da carro de Santarém na quinta de tarde e voltou ontem de manhã na Map. Muito estranho que essa reunião possa não ter acontecido".

Se o PSDB enviar nota dando a versão do partido, este blog publicará imediatamente, cumprindo o princípio de conceder o direito de resposta a quem solicita.

sexta-feira, novembro 17, 2017

Batido o martelo: Elaine D'Almeida será candidata a deputada estadual

O deputado estadual Celso Sabino ficou um dia e duas noites em Itaituba, onde reuniu com vereadores.

Ele concedeu entrevista para a imprensa local, mas, como ninguém perguntou, ele não falou sobre a sua principal missão em Itaituba, que era convencer a senhora Elaine D'Almeida e seu pai Ivan D'Almeida para que ela se lance candidata a uma vaga na Assembleia Legislativa. E convenceu.

Em uma reunião a portas fechadas na noite de ontem, Celso Sabino, que estava acompanhado de seu chefe de gabinete, Nadir Neves, ex-deputado, convenceu Ivan e Elaine.

Ele retornou hoje para Belém, levando na bagagem o precioso troféu que veio buscar.

Sabino deverá ser um dos candidatos do PSDB a deputado federal em 2018.

Os leitores do blog do Jota Parente devem lembrar que eu noticiei que esse deputado foi quem construiu a passagem de camando do PSDB em Itaituba para Ivan, o que num primeiro momento deixou a vereadora Maria Pretinha muito chateada.

Ela ligou para ele para ouvir a versão dele, mas, Sabino disse que  notícia dada pelo blog era totalmente infundada.

Maria disse que conhecida o jornalista signatário do blog, e que confia nele.

Naquela oportunidade o blog adiantou o interesse do deputado na candidatura de Elaine, assunto que ele adiantou com o pai dela quando os dois se encontraram em Belém.

Tudo que este blog deu confirmou-se quando Ivan assumiu o partido, e agora com a vinda de Sabino para fechar o acordo que confirmou a candidatura de Elaine.

A fonte que passou os detalhes para o blog conhece as minúcias dos badtidores da política.

Reunião para formar frente ampla para se contrapor aos abusos da Celpa, no O ASSUNTO É ESTE

Amanhã, a partir das 10 horas, na Alternativa FM, o programa vai tratar do movimento que está sendo organizado para combater os abusos cometidos pela Celpa contra os consumidores.

O vereador Davi Salomão estará no estúdio para conversarmos sobre o assunto.

É dele a iniciativa da reunião da próxima segunda-feira à noite, na Câmara, para dar o pontapé inicial do movimento.

Confirmando, o programa começa às 10 da manhã.

Audiência Pública discutiu horários de funcionamento de bares e casas noturnas

Pela primeira vez esse ano o auditório da câmara municipal ficou lotado em uma audiência pública, para discutir um tema de interesse da coletividade, nesse caso a lei que regulamenta o horário de funcionamento de eventos no período da noite.  

A maioria dos vereadores  esteve presente na audiência, bem como órgãos de segurança pública e donos de estabelecimentos noturnos que foram convidados para a audiência.

O projeto de lei de 030/2017 de autoria do executivo municipal, deveria ter sido votado na semana passada, mas devido a manifestação contraria dos donos de casas de shows, bares e similares, a votação foi adiada por um prazo de 20 dias para que a população fosse ouvida através de uma audiência publica, audiência essa  realizada na noite de ontem.

De acordo com o conselho municipal de segurança, o horário de funcionamento dos ambientes noturnos  até as 4 e meia nos finais de semana e véspera de feriados vem contribuindo  para o aumento do índice de violência na cidade e para os acidentes de trânsito.

 Proprietário de casa de show

Já os donos de casas de shows, bares e similares alegam que não é a mudança de horário quem irá acabar com a violência, segundo eles, está faltando uma presença maior dos órgãos de segurança pública nas ruas, uma maior fiscalização no trânsito da cidade e punições mais rígidas para os infratores, mas também teve gente que se manifestou a favor da redução do horário.

Vereador Diego Mota.

A votação do projeto de lei que deveria ter acontecido semana passada, foi adiada por 20 dias atendendo pedido do vereador Diego Mota, que defendeu a necessidade de ouvir a população antes de tomar a decisão de mudar o horário. Na audiência o vereador que apresentou algumas propostas que foram aceitas pelo público presente disse que  a audiência teve resultados positivos.

Tenente Coronel Robson comandante do 15º BPM  

Para o comandante da policia militar a audiência foi positiva, e as propostas apresentadas devem ser analisadas tanto pelo conselho de segurança como  pela comissão de legislação, justiça e redação final da câmara, de  modo que todo sejam beneficiados.

Ao final da audiência todos fizeram uma avaliação positiva do evento e acreditam que dessa forma a lei poderá ser aprovada com as alterações que não prejudiquem o funcionamento dos estabelecimentos que geram emprego a centenas de trabalhador e que ao mesmo tempo possa contribuir com a redução da violência de modo geral.

Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informações do repórter Marinaldo Silva.

Imagens: Weslen Reis - TV Eldorado BAND. 

quinta-feira, novembro 16, 2017

A Caixa continua com a promoção imperdível para acertar débitos em atraso


Manuel Dutra, jornalista de professor santareno conquista 1º lugar no Prêmio Professor Imprensa da região Norte

 Manuel José Sena Dutra, santareno, jornalista e professor doutor do curso de Comunicação da Universidade Federal do Pará e coordenador do “Primeiras Linhas”, da UFPA, conquistou o 1º lugar do prêmio Professor Imprensa – categoria coordenador de jornal laboratório da região Norte.

A premiação é uma iniciativa da Revista e Portal Imprensa, que homenageia professores e projetos inspiradores nas cinco regiões do Brasil.

Graduado em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), Manuel Dutra possui mestrado em Planejamento do Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido, pela Universidade Federal do Pará (UFPA), e doutorado em Ciências sócio-ambientais pelo Núcleo de Altos Estudos Amazônicos (NAEA/UFPA). É autor dos livros: “O Pará dividido: discurso e construção do estado do Tapajós” e “A natureza da mídia: os discursos da TV sobre a Amazônia, a biodiversidade e os povos da floresta”.

Manuel Dutra já recebeu o prêmio de honra ao mérito pela Sociedade de Preservação dos Recursos Naturais e Culturais da Amazônia; dois prêmios “Esso” de Jornalismo da Região Norte, entre outros.

Fonte: RG 15/O Impacto e Ércio Bemerguy

A guerra contra as drogas falhou, diz ministro do STF em artigo

RIO (O Globo) - “A guerra na Rocinha já está perdida”. É assim que começa o artigo publicado nesta quarta-feira, no jornal britânico The Guardian, escrito pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso. No texto, Barroso fala sobre a atual política de drogas no Brasil e aponta que é preciso ampliar o debate sobre a legalização, já que a “política atual apenas destrói vidas”.

“Com o som de tiros vindos de todos os lados, escolas e lojas são constantemente forçadas a fechar. Recentemente, uma bala perdida matou uma turista espanhola. A guerra não é a única coisa que está sendo perdida”, diz ele, ainda no primeiro parágrafo do artigo.

Barroso segue explicando que a abordagem da política de drogas no Brasil tem sido a mesma há décadas: “Polícia, armas e muitas prisões”. “Não é preciso um especialista para concluir o óbvio: a estratégia falhou”, escreveu ele, que segue: “O consumo de drogas e o tráfico só aumentaram”.

No artigo, Barroso lembrou seu voto no STF pela descriminalização do porte de maconha para consumo próprio e acrescentou que o “caso foi suspenso e nenhuma data foi estabelecida para a retomada do assunto".

Nesse sentido, ele lembra que é preciso incitar o debate, visto que a questão das drogas tem um profundo impacto no sistema de Justiça criminal. Por isso, é importante que o Supremo também participe do diálogo.

Barroso segue o texto explicando suas principais visões sobre uma nova política de drogas, em que a legalização e a descriminalização estejam contempladas.

“A guerra contra as drogas falhou”, segue o ministro do STF. Desde a década de 1970, sob a influência e liderança dos Estados Unidos, a abordagem contra as drogas tem sido feita com o uso de forças policiais, exércitos e armas, explica. “A trágica realidade é que 40 anos, bilhões de dólares, centenas de milhares de prisioneiros e milhares de mortes depois, as coisas estão piores.
Ao menos em países como o Brasil”.

Ele descreve a partir daí os possíveis resultados da legalização e diz que, em países da Europa e nos Estados Unidos, tem foco em dependentes químicos. No Brasil, o foco é em “dar um fim no domínio de traficantes de drogas sobre comunidades pobres”.

Outro ponto citado por ele seria a diminuição do encarceramento de jovens presos por porte de maconha apenas para uso próprio. Após a prisão, esses jovens, sem registros anteriores, convivendo naquele local, se tornariam “perigosos”.

 “A insanidade dessa política é surpreendente: destrói vidas, gera piores resultados para a sociedade, é cara e não tem impacto no tráfico de drogas. Apenas superstição, preconceito ou ignorância podem fazer alguém acreditar que isso é efetivo”.

Por essas razões, o ministro afirma que é preciso pensar em novas medidas no combate às drogas. Além de considerar maior planejamento e as experiências de outros países, ele afirma que é necessário considerar a possibilidade de tratar a maconha como o cigarro: "Um produto lícito, regulado, vendido em determinados lugares, taxado e com restrições de idade e propaganda (...)”.


Barroso finaliza o artigo dizendo que não é possível ter certeza de que uma política de descriminalização e legalização tenha sucesso. Mas o que podemos afirmar, acrescenta ele, é que a política atual de criminalização falhou.

Pinduca concorre ao Grammy Latino hoje

 Finalmente chegou a tão esperada noite para Pinduca, que é um dos concorrentes brasileiros à premiação do Grammy Latino, que será entregue nesta sexta-feira (16) em cerimônia no Mandalay Bay Convention Center, em Las Vegas. A transmissão via streaming ao vivo começará às 19h (horário de Brasília) via LatinGrammy.com e Univision.com/LatinGrammy. 

A cerimônia será apresentada por Tommy Torres, três vezes ganhador da estatueta, compositor, produtor e cantor. A noite mais importante da música latina terá seu pontapé inicial com apresentações de artistas indicados, como Tiago Iorc, Las Migas, Debi Nova e Sig Ragga. Os primeiros prêmios serão entregues pelos seguintes indicados atuais: Paula Arenas, Eduardo Cabra, Cesar Camargo Mariano e Miranda.

No páreo está o Carimbó do Pará, na categoria “Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileiras” com o CD “No embalo do Pinduca”, lançado em 2016 pelo projeto Natura Musical com produção da Ampli Criativa, de Marcel Arêde, e releitura musical dos hits que marcaram a carreira do artista por Manoel Cordeiro. Pinduca afirmou em entrevista recente, que tem muita confiança que irá trazer o troféu para casa. 

O disco de Pinduca concorre com os álbuns “Batom Bacaba”, de Patrícia Bastos; “Canta O Nordeste”, do Trio Nordestino; “Ascensão”, de vários artistas; “Ao Vivo - Melodias Do Sertão”, de Bruna Viola; e “Chamamé”, de Yangos. No Embalo de Pinduca” é um álbum quase que totalmente autoral. O disco traz os sucessos “Sinhá Pureza”, “Sem você nada é bonito”, “Vamos farrear”, “Garota do tacacá”, “A dança do carimbó”, “Pai Xangô”, Carimbó do macaco”, “Cavalo velho”, “Siriá do Pará”, “Não posso mais”, “O rico e o pobre”, “Embarca morena”, “Bala de rifle”, “Marcha do vestibular” e “Comancheira”.

Fonte: Portal ORM

Globo é acusada de pagar propina para ganhar direitos s transmissão de copas do mundo

A TV Globo voltou a ser citada no julgamento que ocorre nos EUA sobre pagamento de propina a dirigentes ligados à FIFA.

Uma testemunha do processo acusa a Globo e TV mexicana  de em março de 2013 ter paga 13 milhões de dólares pelos direitos de transmissão das copas de 2026 e 2030.

O pagamento teria sido feito ao presidente da Associação de Futebol Argentina.  A globo deve fazer um novo editorial para negar as acusações !!!

Com informações do jornalista Weliton Lima

Asfalto da Quinta rua da Floresta cedeu

O trecho que foi asfaltado pela prefeitura da Quinta rua do bairro da Floresta na parte que fica em uma baixada cedeu com a forte chuva de ontem.

No momento em que a reportagem do blog estava fotografando o local, chegou o secretário de Infraestrutura, Orismar Gomes.

Ele conversou com os moradores que ficaram muito preocupados com o estrago que a chuva fez.

A água deslocou muita terra do aterro que foi feito para passar o asfalto, jogando todo o material dentro do pequeno córrego que passa por ali.

Parte do asfalto vai ter que ser retirado porque ficou oco em baixo, pois a água levou a terra que dava sustentação.

Houve o Caso de um morador cuja frente da casa precisou colocar umas tábuas para poder a família passar.

Orismar garantiu que a SEMINFRA vai arrumar o local.

A reportagem observou que a falta de um meio fio e bem feito - porque se não for assim a água vai levar tudo de novo - provocou o deslocamento da terra pela enxurrada.

Elemento é morto pela polícia em troca de tiros

Na noite desta quarta feira, 15, a Policia Militar realizou uma operação para prender dois elementos que segundo informações estavam em uma moto realizando assaltos na cidade. Os policiais fizeram o cerco entre 14ª e 15º Rua do Bairro Bela Vista.

Os elementos abandonaram a moto e se esconderam pelos quintais de algumas casas. Os moradores ficaram apavorados, alguns tiros foram disparados, um foi capturado, já outro foi alvejado e não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O mesmo estava com um resolver.

Fonte: Junior Ribeiro com informações e fotos de Junior Carvalho.http://blogdojuniorribeiro.blogspot.com.br/

Publicação de Edital


terça-feira, novembro 14, 2017

João Paxiúba pode assumir a Comtri

Resultado de imagem para foto de joão paxiúbaHoje pela manhã a reportagem do blog perguntou ao ex-coordenador da Comtri, João Paxiúba, se de fato ele irá assumir o comando do órgão de trânsito no município no início do ano, como é voz corrente nas conversas nos meios políticos e em setores do governo.

Ele respondeu que ainda está pensando para dar uma resposta definitiva, confirmando dessa forma, que os rumores são bem mais que simples boatos.

Dentro do atual governo João tem muitos amigos que nunca esconderam a simpatia que tem por ele e pelo seu trabalho.

À frente da Contri no governo de Eliene Nunes, ele fez um excelente trabalho que foi reconhecido, tanto dentro da própria administração, como por toda a comunidade.

João arregaçava as mangas e resolvia os problemas, e tinha carta branca da prefeita.

Caso se confirme a substituição do atual coordenador, Aguiarzinho, pelo ex-coordenador, conforme o blog levantou, terá a benção do deputado estadual Hilton Aguiar, que é primo do atual coordenador e deverá arrumar alguma coisa para ele em outro setor.

Terreiro de Candomblé será reconstruído com doação de igreja evangélica no Rio

Após incêndio criminoso, Igreja Cristã de Ipanema doará R$ 11 mil ao terreiro da mãe de santo Conceição d'Lissá

Após um incêndio criminoso que destruiu o barracão Kwe Cejá Gbé de Nação Djeje Mahin, em 2014, o terreiro de candomblé da mãe de santo Conceição d'Lissá, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, será reformado. A verba de R$ 11 mil foi doada pela Igreja Cristã de Ipanema, que é evangélica, e pela Comissão de Combate à Intolerância Religiosa. A doação será oficializada — e celebrada — no dia 22 de novembro, em um café da manhã no terreiro. Representantes das duas religiões irão comparecer.

A ideia de fazer a doação partiu da pastora luterana Lusmarina Campos Garcia, então presidente do Conselho de Igrejas Cristãs do Estado do Rio de Janeiro (CONIC-Rio). Lusmarina, que fazia parte da Comissão de Combate à Intolerância Religiosa, sugeriu a doação ao babalawô Ivanir dos Santos, também integrante da comissão. O compromisso foi assumido em 2014. Após um período de interrupção, a campanha foi retomada pela Igreja Cristã de Ipanema, que atingiu o valor necessário para as obras.

Para o babalawô Ivanir dos Santos, o gesto é importante no combate à intolerância religiosa e "toca o coração de todo mundo".

— É um gesto muito importante, primeiro porque se trata de uma religião que é demonizada constantemente por alguns evangélicos. Quando você tem um grupo de evangélicos como esses, que vão além de um gesto de pedir perdão, mas têm um gesto de amor com a doação de recurso para fazer o tempo...isso tem um valor gigantesco.

É um gesto de amor o outro como a ti mesmo. Não é pelo dinheiro. É pelo amor que traz esse gesto. É um exemplo clássico de amor. Esperamos que isso ensine amor aos que não amam. É um gesto que vai ficar na história e que toca o coração de todo mundo — comemorou.

Babalawô Ivanir dos Santos Foto: Marcelo Theobald / Agência O Globo
O Pastor Edson Fernando, que está à frente da Igreja Cristã de Ipanema há 25 anos, também comemorou a arrecadação. Para ele, a ação é uma forma de mostrar que as religiões precisam "apostar no acolhimento".

Fonte: Extra

segunda-feira, novembro 13, 2017

Eleição de diretores de escolas é inconstitucional, decide TJPA

Nomeação de diretor e vice é de competência do prefeito, decide Pleno. Artigo de lei de Porto de Moz é inconstitucional

Desembargadora. Célia Regina Pinheiro relata e julga
feito durante sessão plenária do TJPA

Em sessão realizada na quarta-feira (08/11), os desembargadores integrantes do Pleno do Tribunal de Justiça do Pará, à unanimidade de votos, decidiram pela inconstitucionalidade do artigo 55, parágrafo único da Lei Complementar nº 109/2009 do Município de Porto de Moz, em Ação Direta de Inconstitucionalidade movida pelo prefeito do Município contra a Câmara de vereadores de Porto de Moz. A ADIN estava sob a relatoria da desembargadora Célia Regina Pinheiro.

Conforme a alegação do prefeito Edilson Cardoso de Lima, a referida lei municipal violou a Constituição Estadual, ao determinar a realização de eleição para as funções de diretor e vice-diretor na esfera da educação municipal.

O prefeito alegou ainda que os artigos 34, §1º e 35 da Constituição do Estado, atribuem competência privativa para prover cargos e funções públicas, dentre os quais aqueles cargos comissionados, também denominados de confiança. Assim, argumentou que a lei o artigo 55 da Lei 109/2009 interfere na discricionariedade e na prerrogativa do chefe do Executivo de livremente nomear e exonerar titulares de cargos de direção.

Fonte: blog drtabajara.blogspot
O autor do blog é advogado em Santarém

Helder vem aí

Resultado de imagem para fotos de helder barbalhoO ministro da Integração Helder Barbalho, tem viagem agendada para Itaituba ainda este ano.

A data ainda não foi definida.

O objetivo da viagem é trazer para o município alguns benefícios, especialmente para o setor da infraestrutura.

No pacote está uma partida de asfaltado para o prefeito Valmir Climaco dar continuidade no trabalho de pavimentação de ruas da cidade.

Dessa vez o ministro paraense não quer padrinhos intermediando a entrega. Ele mesmo quer ser o portador.

Em tempo: Helder, candidatíssimo a governador do Estado, tem candidato 100% fechado em Itaituba e região. É o deputado estadual Eraldo Pimenta, aliado de primeira hora, que goza de sua total confiança.

Na campanha ele virá aqui para dizer isso, alto e bom tom, para que reste dúvida.

Final de semana sem acidentes, mas, hoje cedo já aconteceu um

Foto: Plantão24Horas
Depois de um final de semana de blitz ostensiva, sem que nenhum acidente tenha sido registrado, a segunda-feira amanheceu com uma colisão entre carro e moto, deixando um ferido.

Aconteceu na 33ª Rua com a travessa João Pessoa, pouco antes de 08:30.

O Corpo de Bombeiros esteve no local prestando os primeiros socorros e conduzindo a vítima para o Hospital Municipal.

No final de semana, o Detran, com o apoio da Polícia Militar, apreendeu nove veículos cujos condutores haviam consumido bebida alcoólica acima da dosagem limite estabelecida no CTB.

Eles foram conduzidos até a 19ª Seccional de Polícia e não foram liberados logo mediante pagamento de fiança.

Ficaram detidos até o amanhecer do dia para deixarem passar o efeito da “mardita” da pinga.

Havia gente conhecida entre os nove, sendo que um deles chegou a ligar para o prefeito Valmir Climaco, pedindo que ele intervisse para sua liberação, mas, Valmir não deu ouvidos.


Se isso virasse uma constante, provavelmente diminuiria o número de condutores que bebem e vão fazer loucuras no trânsito.

A mulher que está por trás do pagamento em dia dos servidores de Itaituba

A mulher que está por trás do pagamento em dia dos servidores em ItaitubaIraci Carvalho, amiga pessoal do prefeito Valmir Climaco está com a bola cheia.

Ela é assessora da cota pessoal de Valmir, e ninguém ousa cogitar mexer com ela, sob pena de se indispor com ele.

É evidente que o pagamento em dia dos salários, que tem sido uma constante desde o primeiro governo de Roselito Soares, tem a ver diretamente com o gestor municipal de plantão, que é quem dá a palavra final, mas, que Iraci tem moral no governo, isso ela tem de sobra.

Iraci mereceu uma nota em destaque no blog do Jeso, que é um dos sites mais visitados e de grande credibilidade em toda a região, e até no estado.

O blog do Jota Parente exibe a nota do confrade Jeso.
--------------------------------
Uma mulher, formada em administração, é quem está por trás do pagamento em dia do salário dos servidores públicos de Itaituba, no oeste do Pará – um dos poucos municípios no Pará que até agora não caiu na vala comum da impontualidade.

Iraci Socorro Carvalho é a nº 1 da Coordenadoria de Finanças da Prefeitura de Itaituba, nomeação pessoal e da estrita confiança do prefeito Valmir Climaco (PMDB) para o cargo.

Ela tem experiência quilométrica em gestão pública, onde atua há 20 anos, tendo passado por prefeituras como a de Jacareacanga, Novo Progresso e órgãos federais como a Sesai (Secretaria Especial da Saúde Indígena), vinculada ao Ministério da Saúde.

O controle que a administradora exerce sobre as finanças de Itaituba é total. Mais: tem carta branca do prefeito para manter essa prática. 

Blog do Jeso

Evangélicos gordos não vão pro céu, diz Sara Sheeva

Evangélicos gordos não vão pro céu, diz Sara Sheeva (Foto: Reprodução)
 Em mais uma declaração polemica, a pastora Sara Sheeva disse que "crentes gordos" não irão para o céu. Em entrevista, a filha de Baby Consuelo justificou a obesidade como indício de um pecado capital (glutonaria), que seria condenado pela Bíblia.

“As pessoas que se convertem, nasceram de novo aqui no espírito, e pensam que deixam de ter corpo e alma. Aí eu te pergunto: porque tem tanto crente gordo?”, disse.

A reflexão da pastora seguiu na crítica de que a obesidade foi condenada em contexto bíblico. "[Obesidade] é pecado grave na Bíblia. É um pecado bíblico que diz que a gente vai pro inferno. A glutonaria leva a gente para o inferno. Tem gente que acha que é um exagero, mas comer com a alma é uma idolatria. Você fazer tudo que você quer”, complementou.

(Fonte: Catraca)

A polêmica do Projeto de Lei do horário de bares e casas noturnas

O projeto de lei em tramitação na Câmara de Vereadores prevendo a redução de horário para o funcionamento de bares e casas noturnas tornou-se o assunto mais comentado da semana.

Estudos mostram que em cidades com limite de horário para o funcionamento desses estabelecimentos, o número de homicídios diminuiu, só que o alvo do projeto em discussão é a violência no transito, que de acordo com o parecer do Conselho Municipal de Segurança Pública estaria associada ao consumo de álcool pelos motoristas que saem das baladas noturnas.

Essa questão não é tão óbvia assim, pois, os acidentes de trânsito resultam de uma somatória de fatores, e o horário de funcionamento das casas noturnas, nesse caso, parece não ser a causa preponderante para explicar o grande número de acidentes registrados em Itaituba.  

As casas noturnas precisam, sim, passar por adequações, e as normas para esse tipo estabelecimento possuem regras expressas, como o alvará em dia, assim como a capacidade máxima de público que o ambiente comporta exposta em local visível, bem como saídas de emergências bem sinalizadas.

Além disso, a prefeitura e o corpo de bombeiros devem divulgar na internet, todas as informações complementares, como licenças e laudos concedidos e também o resultado de vistorias e pericias e o prefeito, bombeiros e demais agentes públicos que não cumprirem essas determinações podem inclusive responder por crime de improbidade administrativa.

Se a lei fosse cumprida à risca durante as fiscalizações, nenhuma das casas noturnas da cidade estaria funcionando, portanto, a questão envolvendo as casas noturnas da cidade vai muito mais além do que disciplinar o horário de funcionamento desses ambientes.


Quanto à violência no trânsito, o combate se faz com campanhas educativas e o aumento da fiscalização para punir motoristas infratores; para isso é necessário investimentos na sinalização das vias e aumento do número de agentes de transito nas ruas, em ações constantes, e não apenas em períodos específicos do ano.

Jornalista Weliton Lima

domingo, novembro 12, 2017

Jornalista que disse que Lula deve morrer pede proteção policial

247 - O jornalista Mario Vitor Rodrigues, que publicou o artigo “Lula deve morrer”, foi à delegacia de Copacabana neste domingo e pediu proteção policial em razão de supostas ameaças de assassinato, que teria recebido na internet.

O PT decidiu processar Rodrigues por incitação à violência, crime previsto no artigo 286 do código penal. "O título é tipicamente uma incitação ao crime, conforme previsto no artigo 286 do Código Penal Brasileiro", afirma o partido em nota.

Rodrigues também fechou sua página no Facebook, na qual disse que “fanáticos” não sabem interpretar textos após a repercussão de sua coluna.

"Este episódio demonstra até que ponto setores da direita e das elites estão dispostos a chegar para impedir o retorno de Lula à presidência da República pelo voto do povo brasileiro", diz a nota do PT.

Publicação de Edital


Publicação de Edital


Frei Mauro, um sacerdote que foi um exemplo nos deixou

Aos 86 anos de idade, morreu na madrugada de hoje, às 4:30, Frei Mauro Hawickhorst.

Frei Mauro foi meu professor no Seminário S. Pio X na turma da qual faziam parte, dentre outros, José Sales, Ronaldo Magno, Rosivaldo Bentes Correa, Raimundo Matias, Rosivaldo Maciel, José Leal, Pedro Lira, Rômulo, José Maria Lima, Odilson Picanço, Aldomário, Chico Pinheiro, João Mota, Raimundo Francisco de Sousa, Isaí, dois João Paulo e tanta gente mais de uma turma de 41 colegas no primeiro ano.

Muitos anos mais tarde, já com família constituída e com os filhos crescidos, tive oportunidade de reencontrar Frei Mauro aqui em Itaituba, onde ele também viveu por um curto período.

Temperamental, como vi numa postagem, não! Frei Mauro era enérgico quando precisa ser, e tinha pavio curto, mas, um coração bondoso, sempre disposto a ajudar. Era disciplinador, sim, qualidade que certamente muito contribuiu na formação de seus discípulos, como eu.

Lembro de sua paixão pelo futebol, o nosso, não o americano. Aos domingos, quando o seu América Futebol Clube, de Santarém, jogava, ele não perdia um jogo, mas, ia também a outros jogos.

Frei Mauro deixa como legado uma lição de vida dedicada ao sacerdócio com total devoção e integridade moral, honrando a Deus em primeiro lugar, e à Ordem dos Frades Menores, os Franciscanos.

Norte-americano de nascimento, descendente de alemães, aos 27 de idade escolheu o Brasil como sua nova pátria, à qual se dedicou por 59 anos de sua vida.

Com os sentimentos deste discípulo que guarda os seus ensinamentos, só me resta dizer: descanse em paz, Frei Mauro.


Jota Parente

sexta-feira, novembro 10, 2017

Jatene volta a falar em privatização da Cosanpa

Já faz algum tempo que o governador Simão Jatene fala sobre na privatização da Cosanpa.

• Inicialmente houve muitos rumores, mas, hoje em dia pouca gente se manifesta contra porque o governo, de um modo geral é muito ruim quando o assunto é o gerenciamento de empresas como a Cosanpa.

• A tendência atualmente é a terceirização de muitos serviços públicos, ou mesmo a privatização.

• Em Itaituba o prefeito Valmir Clímaco, falou  em entrevista recente, que estava pensando em criar uma diretoria para cuidar do assunto da distribuição de água em residenciais e distritos.

• Existe um projeto de lei de autoria do vereador Peninha que autoriza o Executivo a licitar a distribuição de água nesses locais  entre empresas que se interessarem.

• Se a Cosanpa ao longo de muitas décadas nunca conseguiu resolver esse problema, é pouco provável que o poder público municipal consiga. Então, é bom o prefeito analisar todos os pontos dessa ideia, porque os municípios brasileiros hoje em dia, mal dão conta de atender o básico.

Projeto de lei sobre horário de bares e casas noturnas vai ser discutido no O ASSUNTO É ESTE

O Assunto É Este de amanhã vai tratar da polêmica sobre o Projeto de Lei 030/2017, de autoria do Poder Executivo, que trata de estabelecer horário para funcionamento de bares e casas noturnas.

Essa tem sido uma das principais discussões da semana, tanto na imprensa, quanto nas redes sociais.

Estarão no estúdio da Alternativa FM, o presidente do Conselho Municipal de Segurança Pública, advogado César Aguiar; o comandante do 15º BMP, tenente-coronel Robson Oliveira; o comandante do 7º Grupamento de Bombeiros Militar, tenente-coronel Ney Tito e o superintendente de Polícia Civil, delegado Vicente Gomes.


O Assunto É Este vai ao ar todo sábado, de 10 ao meio-dia, na Alternativa FM, 104,9.

MPF recomenda cancelamento de audiências públicas sobre a Ferrogrão

É ilegal a realização das audiências sem consulta e consentimento prévios de populações tradicionais, alertam procuradores da República

 O Ministério Público Federal (MPF) encaminhou à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) notificação em que recomenda o cancelamento de audiências públicas sobre a concessão da Ferrovia do Grão (Ferrogrão) previstas para as próximas semanas.

Segundo o MPF, é ilegal a realização de audiências públicas sem consulta e consentimento prévios, livres e informados de pelo menos 19 comunidades indígenas já identificadas ao longo do trajeto da ferrovia, além de ribeirinhos, agroextrativistas e outras comunidades tradicionais sujeitas a impactos.

Os procuradores da República Paulo de Tarso Moreira de Oliveira e Camões Boaventura, que atuam no Pará, e Malê de Aragão Frazão, que atua em Mato Grosso, também criticam a falta de previsão de audiências nos municípios que a ferrovia deve atravessar.

A ferrovia está planejada para o trecho entre Sinop, no Mato Grosso, e o porto de Miritituba, em Itaituba, no Pará. As audiências públicas estão programadas pela ANTT para os dias 22 e 27 deste mês em Cuiabá (MT) e Belém (PA), respectivamente, e para 5 de dezembro em Brasília (DF).

O MPF alerta, ainda, que a homologação dos estudos para a concessão da ferrovia sem a consulta e consentimentos prévios, livre e informados aos indígenas e às populações dos municípios diretamente impactados pode levar à anulação desses estudos, que custaram R$ 33,7 milhões aos cofres públicos, e tornar ilegal todo o processo da concessão da ferrovia, caso realizado.

Assim que receber a recomendação o diretor-geral da ANTT, Jorge Luiz Macedo Bastos, terá dez dias úteis para apresentar resposta. Se a resposta não for apresentada ou for considerada insuficiente, o MPF pode levar o caso à Justiça, inclusive por meio de ação por improbidade administrativa e de responsabilização por eventuais danos materiais ou morais à sociedade.

Medida antidemocrática - “O alijamento do processo decisório das populações indígenas e tradicionais que suportarão diretamente os impactos da ferrovia é medida antidemocrática que viola compromissos internacionais assumidos pelo Brasil”, denunciam os membros do MPF no documento.

Entre as normas citadas na recomendação estão a Constituição, a Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), a Declaração Americana sobre Direitos dos Povos Indígenas e a Convenção Americana de Direitos Humanos.

A Convenção nº 169 afirma que os governos deverão “consultar os povos interessados, mediante procedimentos apropriados e, particularmente, através de suas instituições representativas, cada vez que sejam previstas medidas legislativas ou administrativas suscetíveis de afetá-los diretamente”, e que “as consultas realizadas na aplicação desta Convenção deverão ser efetuadas com boa fé e de maneira apropriada às circunstâncias, com o objetivo de se chegar a um acordo e conseguir o consentimento acerca das medidas propostas”.

A recomendação destaca que o direito à consulta e consentimento prévios e à participação efetiva nas políticas de desenvolvimento estabelecidos na Convenção nº 169 não se restringem à primeira decisão administrativa de realização de determinada política pública e de desenvolvimento.

Esses direitos, segundo o MPF, “se desdobram no dever de colher a válida manifestação de vontade dos povos tradicionais afetados em cada ato administrativo que autoriza o prosseguimento da política pública, aí se incluindo a aquiescência para realização do estudo de viabilidade técnica dos empreendimentos”.

De acordo com os procuradores da República, o relatório de viabilidade técnica da ferrovia homologado pelo Ministério dos Transportes sugere interpretação equivocada de portaria sobre a atuação de órgãos federais em processos de licenciamento ambiental (portaria interministerial nº 60/2015), induzindo conclusão errada de que o trajeto da ferrovia não afetaria áreas indígenas estar a mais de dez quilômetros de distância dessas áreas.

Para o MPF, essa conclusão viola o dever de informação às empresas licitantes, tendo em vista que pode haver resistência das comunidades interessadas e pedido judicial de anulação do processo de concessão, além do ajuizamento de outras ações.

Ministério Público Federal no Pará
Assessoria de Comunicação

Não está sendo uma boa semana para o secretário de Saúde, Iamax Prado

Resultado de imagem para foto de iamax pradoComeçou com uma denúncia feita por este blog a respeito do único veículo quatro rodas do setor de endemias, que está quebrado há dois meses, sem que a secretaria de saúde tenha tomado providência alguma para mandar consertar.

A notícia repercutiu na Câmara, tendo sido motivo de crítica de parte do vereador Júnior Pires, que cobrou uma posição, uma vez que os agentes de endemias estão impossibilitados de se deslocar para o interior do município.

Júnior citou dados da matéria atinentes aos repasses feitos pelo Ministério da Saúde, desde o começo do ano, verba carimbada, enfatizou ele, cuja finalidade não deve ser desviada, sob pena do ordenador de despesas correr sério risco de vir a ser condenado pelo TCM a devolver valores.

E como as chuvas estão chegando, fica a preocupação com o que poderá acontecer no auge do inverno a respeito da dengue, caso a SEMSA não dê a devida atenção ao problema.

Para completar, o vereador Davi Salomão também fez críticas a Iamax Prado, por conta da falta de resposta aos requerimentos direcionados à sua secretaria, o que tem irritado, tanto ele, quanto outros vereadores.

Fechando a semana, o telejornal Focalizando exibiu uma matéria a respeito do posto de saúde do bairro da Paz, que foi concluído no governo passado, que não o colocou para funcionar, nem tampouco o atual abriu suas portas.

A comunidade cobra o funcionamento, porque tem gente indo se consultar no km 05, como uma senhora que pegou carona com o vereador Davi Salomão, esta semana.

Está mais do que claro que Iamax precisa melhorar sua comunicação com os vereadores, como ocorre com outros secretários, que respondem aos requerimentos e questionamentos feitos pelos vereadores, mantendo um diálogo aberto.